20 de mar de 2012

#9 - Kare (Curry japonês) com frango e legumes


É só fazer um friozinho na cidade que o karê já aparece como opção de almoço ou jantar. Com certeza, faz parte da lista das "comidas gostosas que agradam a pança" no inverno de muita gente - especialmente para quem conhece e aprecia a culinária cotidiana japonesa.
Para quem não sabe, karê (カレー, karē) é um prato de carne, legumes e curry.
O Pimate já fez karê diversas vezes. Tomenta nunca abriu uma caixinha de curry pra ver como é. Aproveitamos nossa passagem na Liberdade (que é frequente, como vocês podem notar) e compramos tudo que era preciso para experimentar.

Experiência (fizemos 2 vezes):
A receita é uma mistura de coisas que vimos na internet + a memória que o Pimate tinha da receita.
Na primeira vez, fizemos duas receitas diferentes neste mesmo dia: o karê com frango e legumes e o frango com  laranja. Ou seja, utilizamos a mesma bandeja de frango para ambas as receitas!

A segunda vez que fizemos karê foi para rechear o bao zi. Por conta do karê, a massa de bao zi fica tingida de amarelo depois. Fora que na hora de montar, o recheio é mais líquido, escorre nos dedos e meleca as panelas. Mas como somos pessoas com mão na massa, não tem problema nenhum!

Levamos os pães com karê para algumas pessoas provarem - incluindo aí alguns descendentes de japoneses. Foi aprovadíssimo!!  =D

Gostamos:
- Legumes, carne e curry, com arroz, é saudável, gostoso e esquenta a barriga... zzZzZzZZZzZZ....
- Rende um montão!

Não gostamos:
- Limpar frango é chato (mesma coisa do frango com laranja)
- Problema com comidas picantes: cada um gosta de um jeito.

XP Ganho:
+ Os legumes possuem tempo de cozimento diferente, portanto, coloque-os separadamente. Cozinhamos tanto o brócolis que ele dissolveu...  =(
+ Atenção ao grau de picância do curry! Nós levamos o GOLDEN CURRY MEDIUM HOT. A Tomenta não consegue comer coisas muito picantes, e o Pimate já comeu uma pimenta dedo-de-moça inteira.
+ Uma receita rende umas 20 conchas! É o bastante pra comer Karê a semana inteira!
+ O ponto do curry é: retire um pouco antes de atingir a consistência mais grossa. Ele engrossa depois que esfria.